ago 17, 2017

Como é o processo de produção do azeite de oliva?

O Azeite é um dos ingredientes mais antigos existentes no mundo e é basicamente o óleo obtido diretamente da azeitona. O processo de produção é bastante minucioso, quase artesanal, com o objetivo de ter um produto de extrema qualidade ao final do processo. Acho importante ressaltar sobre a pureza na produção do azeite de oliva.
Tudo começa na plantação. A Oliveira é uma árvore que demora cerca de cinco anos para gerar frutos. A colheita da azeitona é praticamente toda manual e, após um rigoroso controle de qualidade do fruto, ele vai para uma prensa. O suco da azeitona é extraído e então temos o azeite pronto para envase. Em alguns casos, o azeite também pode ser refinado e esse processo acontece sem nenhuma adição química. Para garantir a qualidade do azeite, todo processo deve ser rápido, levando 24h no máximo da colheita ao envase.

O que diferencia a origem espanhola das demais?

O azeite espanhol representa 50% dos azeites de oliva vendidos em todo o mundo e tem como característica ser mais encorpado. Mas o interessante é ressaltar que os diferentes azeites podem ser escolhidos de acordo com a ocasião de consumo e a preferência particular de cada pessoa.

Qual a melhor indicação de uso de cada tipo?

extra virgem, com sabor mais acentuado e frutado, normalmente é utilizado para temperar saladas e, em receitas que tenham o azeite como importante complemento no prato. O tipo único, apresenta sabor suave e é ideal para cozinhar. O orgânico, azeite certificado com os padrões mais rigorosos da agricultura orgânica.

 

Quais são os benefícios do azeite de oliva?

Além de ser uma opção gostosa, o azeite de oliva também é conhecido pelos benefícios à saúde como, por exemplo, a prevenção de doenças pela presença de antioxidantes, como a vitamina E, que age diretamente com o fortalecimento do sistema imunológico. O azeite de oliva é fonte de gorduras consideradas boas que oferecerem benefícios cardiovasculares.